Tone Vays alerta que aumento da dominância do Bitcoin “destruirá” várias altcoins

O Bitcoin (BTC) consolidará seu domínio sobre o mercado de criptomoedas no próximo ano – e este será um duro golpe para as altcoins. O alerta partiu do veterano trader Tone Vays no último episódio de sua série Trading Bitcoin, lançado no YouTube neste domingo, 22 de dezembro. Vays alertou que os traders de altcoins enfrentarão condições ainda piores no início de 2020.

A caminho de 98%

“Uma das minhas previsões para 2020 será a dominância do Bitcoin no mercado em 2020 chegando a 85%”, afirmou Vays no vídeo.

Continuando, o trader explicou que o maior fortalecimento da posição do Bitcoin ecoaria nos ganhos já garantidos neste ano – a atual dominância do Bitcoin é de quase 69%, contra 51% registrados em janeiro desse ano. Em relação à sua posição em janeiro de 2018, o domínio do Bitcoin cresceu 87%.

Para ele, no longo prazo, essa porcentagem poderá se expandir para ver o Bitcoin praticamente “destruir” muitas altcoins.

“Eu acho que o domínio do Bitcoin tem mais um empurrão. A maneira como passamos de cerca de 50% para 70% em 2019 – acho que temos outros 10-15% em Bitcoin para ganhar com as ‘shitcoins’, e então a dominância crescerá direção a 90%, 95% e depois 98%.”

ma das minhas previsões para 2020 será a dominância do Bitcoin no mercado em 2020 chegando a 85%", afirmou Vays no vídeo

Crescimento do hashrate do Bitcoin é “incrível”

O fator fundamental para o sucesso do Bitcoin seria a força de seu hashrate, o poder de mineração da rede. Desde que o par BTC/USD atingiu seu recorde histórico em dezembro de 2017, a taxa de hash cresceu 800%, algo que Vays descreve como “incrível”.

O hashrate refere-se ao poder geral da computação que os mineradores optam por dedicar à validação das transações na blockchain do Bitcoin. Apesar dos preços mais baixos, o interesse e a concorrência entre os mineradores continuam a se expandir, resultando também em uma rede mais segura.

“Mostre-me outra ‘shitcoin’ que tenha esse tipo de crescimento da taxa de hash”, argumentou Vays.

Famoso por não reconhecer o potencial de outras criptomoedas, Vays continuou prevendo que a sidechain do Bitcoin Liquid acabaria “destruindo” a utilidade de outras criptomoedas. De forma específica, Vays citou Ethereum, EOS e Cardano, todas presentes entre as vinte principais criptomoedas por valor de mercado.

Leia também: Tone Vays afirma que o Bitcoin não ficará abaixo dos US$3 mil novamente

Forex Crypto News: Cripto Facil

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *