Reclame Aqui de Portugal passa a registrar queixas em blockchain

O Portal da Queixa é a versão portuguesa do site brasileiro Reclame Aqui, um site dedicado a consumidores insatisfeitos que postam reclamações sobre produtos e serviços oferecidos por diversas empresas.

De acordo com o site português Semanário V, o Portal da Queixa passará a registrar as reclamações de seus usuários em uma blockchain. A blockchain será fornecida por uma empresa brasileira, a Hash Institute.

Por meio da sua solução Hash Cool, que muito se assemelha ao serviço prestado pela Owl Docs – já tratada aqui pelo CriptoFácil -, é possível registrar documentos, URLs, certificar PDFs e até mesmo criar uma assinatura digital para validar documentos.

A relação entre reclamações de consumidores e uma blockchain chama a atenção, uma vez que as reclamações feitas contra uma empresa ficarão marcadas para sempre no Portal da Queixa – tornando difícil para as empresas esconder descasos passados para com seus consumidores.

A Hash Institute já fez seu primeiro marco em julho deste ano. Conforme revela Renato Campos Pacheco, por meio de uma publicação no Medium, a primeira certidão de nascimento com paternidade socioafetiva do Brasil foi registrada na blockchain da companhia – ou seja, dois pais foram registrados na certidão de nascimento de uma criança.

Conforme Pacheco ressalta em sua publicação:

“Então olhando pra isso e conectando aos meus sentimentos em relação a esse processo, eu decidi fazer o registro também em blockchain, assim, esse documento que está registrado nos meios convencionais, também está registrado nos meios digitais — aumentando muito o nível de segurança e garantindo que esse documento jamais seja adulterado, acredito que esse processo será comum no futuro.”

Importante ressaltar que a solução Hash Cool tem um plano gratuito e pode ser utilizado como uma extensão do Google Chrome – compatível também com o navegador Brave -, permitindo cinco registros individuais em blockchain mensalmente.

Leia também: Unick Forex é recordista de reclamações no Reclame Aqui

Forex Crypto News: Cripto Facil