OriginalMy anuncia solução para autenticar receitas médicas via blockchain

OriginalMy anuncia solução para autenticar receitas médicas via blockchain

De acordo com uma publicação feita no Devpost, a equipe da startup brasileira OriginalMy anunciou sua nova solução, chamada Open Prescription. A publicação descreve a Open Prescription como uma plataforma aberta para médicos, pacientes e farmacêuticos para autenticar e assinar receitas médicas, por meio de médicos validades utilizando um certificado digital.

A startup disponibilizará a API da solução, tornando-a open source e facilitando a integração em diferentes sistemas, com o intuito de auxiliar o país e o mundo durante a crise do coronavírus.

Mais um caso de uso para a blockchain

A OriginalMy foi listada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como um caso de uso real da blockchain com impacto social, sendo a startup finalista do concurso EIP Horizon 2020 Blockchain for Social Good,  maior programa de inovação e pesquisa da União Europeia.

Segundo a publicação da startup, a atual crise causada pelo coronavírus fez com que desafios fossem vistos para pessoas que precisam de assistência médica, como ir até o consultório médico, pegar uma receita de papel, sair de casa, ir até a farmácia. Todos esses procedimentos geram risco de contágio, razão pela qual a OriginalMy pensou na Open Prescription.

A startup conta na publicação que construirá a solução sobre um sistema aberto de API, tornando a Open Prescription capaz de ser integrada em outros softwares de autenticação de documentos, validação de identidade e emissão de certificados de autenticidade.

Contudo, grandes desafios apontados são a validação de médicos em diferentes países; reduzir os custos para validar pessoas; encontrar parcerias importantes nos governos e entidades pertencentes a eles; e desenvolver um modelo de negócio sustentável para escalar a Open Prescription.

Combatendo problemas a curto e longo prazo

Para saber mais sobre o projeto, o CriptoFácil conversou com Edilson Osório, da OriginalMy. Osório dividiu outros pontos sobre a Open Prescription que vão além de ajudar a sociedade durante a crise com o coronavírus, falando sobre o número de falsificações na indústria médica:

“Eu pesquisei antes de começar a esboçar a Open Prescription, e descobri que o número de falsificações em prescrições médicas é de 30%. No Distrito Federal, por exemplo, esses números chegam a dezenas de milhares de receitas falsas, é um número muito alto.”

Ao ser questionado sobre como seria a ponte entre o consultório médico e as farmácias, Osório relaciona a questão da falsificação com uma demanda real e atual:

“Não existe telemedicina no Brasil, infelizmente. O governo também emitiu uma Portaria que permite que prescrições médicas sejam autenticadas por assinaturas digitalizadas, ou seja, uma foto de uma assinatura já é considerada válida. Nesse cenário, as farmácias necessitam e buscam opções mais seguras para autenticar as receitas médicas, e é aí que a Open Prescription pode ajudar. Criar essa solução é como a OriginalMy pode ajudar o segmento médico no Brasil, e posteriormente no mundo.”

Ele ainda divide que observou casos onde a telemedicina deu certo:

“Eu observei o caso da Estônia, onde eles possuem um sistema digital de prescrições médicas e adotaram a telemedicina. Lá dá super certo, e a intenção é trazer esse modelo para países como o Brasil.”

Osório termina fazendo um chamado a todos os desenvolvedores disponíveis para ajudar com a solução, que podem ajudar por meio do repositório da Open Prescription no Github:

“Agora nós precisamos de braço, precisamos de pessoas engajadas a ajudar no progresso da solução. A solução será open source, e o objetivo principal agora é ajudar no combate ao coronavírus, reduzindo o risco de contágio com procedimentos médicos que atualmente necessitam ser presenciais. Em um segundo plano eu penso como monetizar, o foco agora é a saúde das pessoas. O importante é deixar as pessoas vivas.”

Leia também: Soluções em blockchain da OriginalMy são apresentadas à prefeitura de São Caetano do Sul

Forex Crypto News: Cripto Facil