Maior produtor de azeite do mundo anuncia adição de blockchain para rastrear azeitona

O maior produtor de azeite de oliva do mundo, a cooperativa Almazaras, da região de Andaluzia na Espanha, anunciou, de acordo com um comunicado enviado à imprensa, que implementará um sistema de rastreabilidade da produção de azeitona a partir de uma blockchain. A Almazaras ocupa desde 2015 o primeiro lugar no ranking mundial da EVOO World Ranking, uma agência de classificação para a qualidade desse tipo de produto.

Segundo a cooperativa, o uso de blockchain na produção de azeite busca aumentar a transparência através de um registro imutável de todas as etapas do processo de produção, desde a origem das azeitonas até o produto final.

A implementação do projeto será financiada com 13.000 euros, dos quais 10.000 correspondem à contribuição derivada de um acordo de colaboração com o Grupo de Desenvolvimento Rural da Subbética Cordobesa (GDR), uma associação sem fins lucrativos que reúne agentes socioeconômicos públicos e privados da região de Subbética, a fim de promover um desenvolvimento equilibrado e sustentável da área. O acordo foi assinado pelo presidente da GDR Juan Pérez e pelo presidente da Almazaras de la Subbética Francisco Serrano, e foi endossado pelo prefeito do município de Cabra Fernando Priego.

Segundo os relatórios, o sistema seria implementado para a atual produção, correspondente à safra 2019-2020, por uma startup local identificada como Nosolosoftware. Na primeira fase, eles desenvolverão um aplicativo voltado para clientes internacionais, para que eles possam acessar em tempo real as informações vinculadas à cadeia de valor do azeite extra-virgem.

Leia também: São Paulo terá primeiro Centro de Transparência da Kaspersky na América Latina

Forex Crypto News: Cripto Facil