HTC permitirá mineração de Monero em seu celular blockchain Exodus

HTC permitirá mineração de Monero em seu celular blockchain Exodus

A multinacional do ramo de eletrônicos HTC anunciou nesta sexta-feira, dia 10 de abril, que passará a permitir a mineração da criptomoeda focada em privacidade Monero (XMR) diretamente em seu celular blockchain Exodus 1S. A iniciativa é resultados de uma parceria com a empresa de design de chips ASIC Midas Lab. 

De acordo com o anúncio, um aplicativo chamado DeMiner permitirá a mineração do criptoativo e estará disponível a partir do segundo trimestre de 2020. Ele foi projetado para desativar automaticamente a mineração sempre que o telefone estiver em uso regular ou quando o carregador estiver desconectado. 

As empresas afirmam que o aplicativo pode ser comparado aos computadores desktop comuns em termos de capacidade de taxa hash. O consumo de energia, porém, é muito menor. O Midas Labs sugere que os usuários do Exodus 1S extraiam uma média US$ 0,0038 (cerca de R$ 0,019) de XRM por dia. O custo de eletricidade, neste caso, seria menos da metade disso. 

Foco na descentralização

Para o diretor da HTC, Phil Chen, o Bitcoin e os telefones celulares são as invenções tecnológicas mais importantes e impactantes dos últimos tempos. Segundo ele, a principal motivação para a iniciativa são os valores da HTC:

“O que move nossas decisões em torno dessas tecnologias são nossos valores; especificamente, a questão de como podemos descentralizar ainda mais e criar um sistema monetário mais inclusivo”, destacou ele. “A mineração no celular é um tópico importante de pesquisa para entender o desenvolvimento de redes seguras. O número de telefones celulares em 2020 está chegando a 3,5 bilhões, o que descentralizaria e distribuiria ainda mais a taxa de hash e o poder de mineração dessas redes.”

Além disso, Chen ressaltou que a mineração em dispositivos móveis contra laptops e desktops amplia a eficácia e a eficiência da lucratividade da mineração.

O fundador da Midas Labs, Jri Lee, compartilhou dos pensamentos sobre descentralização de Chen. Ele disse que a mineração nunca deve se limitar a pools centralizados ou mineradoras gigantes. 

“A mineração em dispositivos móveis ou outros dispositivos pessoais atende perfeitamente ao espírito principal da blockchain, ou seja, descentralização. Hoje, as criptomoedas mais valiosas ainda se baseiam em provas de trabalho. Ou seja, a mineração é a parte indispensável dessas criptomoedas ”, ele me disse.

Leia também: Satoshi Nakamoto criou a Monero? Pesquisa aponta que sim

Leia também: Descubra como o halving do Bitcoin afetará sua mineração

Leia também: HTC lança roteador blockchain para usuários executarem um nó completo de Bitcoin em casa

Forex Crypto News: Cripto Facil