Famoso trader aconselha não negociar Bitcoin nesta segunda-feira

Famoso trader aconselha não negociar Bitcoin nesta segunda-feira

O famoso trader Hodlonaut foi ao Twitter nesta segunda-feira, 15 de junho, aconselhar seus colegas de profissão.

Segundo o famoso trader da foto de gato astronauta, o Bitcoin ainda não parou de “fazer maluquices”. Em vez de negociar, Hodlonaut aconselha que traders comprem e guardem BTC.

Não negocie Bitcoin hoje

Em seu Twitter, Hodlonaut falou sem rodeios que traders evitem negociar Bitcoins hoje.

De acordo com sua publicação:

“Este é um bom dia para não negociar. Em vez disso, acumule.

O Bitcoin ainda não parou de fazer maluquices. As movimentações em um curto período de tempo sempre tomam Satoshis das mãos dos bobos.

Não negocie.”

Nos comentários, diversos traders concordaram e afirmaram que tiraram o dia apenas para acumular.

Segundo noticiado pelo perfil Glassnode Alerts, da empresa de análise Glassnode, traders estão realmente acumulando durante as incertezas do Bitcoin.

O perfil publicou:

“O número de carteiras segurando mais de 0,1 BTC atingiu sua marca histórica em 3.057.754 endereços.

A marca histórica anterior foi vista pela última vez em 3.057.647 carteiras em 15 de junho.”

De fato, o volume de troca do Bitcoin tem atingido marcas baixas nos últimos dias, ficando até mesmo abaixo de R$ 100 bilhões durante o fim de semana.

Além disso, a média de suprimento de BTC sendo negociado atingiu a marca mais baixa dentro de um ano:

“O suprimento ativo de Bitcoin (média móvel de um dia) atingiu a marca mais baixa dentro de um ano, 1.084.729,226.

A baixa anterior foi de 1.084.730,735 foi observada em 14 de junho de 2020.”

Em conjunto, é possível que os dados estejam dando razão ao trader Hodlonaut, mostrando a preferência em acumular valores em carteiras.

Taxas barateiam 91%

A baixa movimentação na rede do Bitcoin teve um grande impacto nos taxas transacionais.

Tendo em vista a baixa utilização, as taxas declinaram 91%. A baixa no custo transacional foi bem-vinda por alguns, tendo em vista o aumento de 1600% após o halving ocorrido em 11 de maio.

Com a baixa nas taxas, trata-se de um bom momento para movimentar Bitcoins. Desta forma, comprar e sacar para uma carteira externa se torna uma alternativa viável.

Por fim, é possível que a atual tendência impulsione o preço do BTC. Conforme noticiado pelo CriptoFácil, a manutenção de Bitcoins em carteira pode fazer o criptoativo atingir R$ 90 mil em agosto.

Leia também: Taxa de transação do Bitcoin fica 91% mais barata após o halving

Leia também: O Bitcoin tem lastro?

Leia também: Analista financeiro aponta que Bitcoin pode bater R$ 1,9 milhão em breve

Forex Crypto News: Cripto Facil