Ethereum apresenta valorização de 15% em um mês

Ethereum apresenta valorização de 15% em um mês

O Ethereum entrou na zona dos US$ 200, um de seus mais fortes pontos de resistência, no fim de abril. O motivo é simples: a altcoin está consolidada entre US$ 100 e US$ 200 por mais de um ano.

Desde então, a altcoin tem conseguido se manter acima desta marca. Contudo, a criptomoeda tem ido além.

Entre os dias 08 de maio e 08 de junho, o Ethereum valorizou quase 20% – uma das melhores performances do mercado de criptoativos.

Ethereum em disparada

Conforme relatado pelo CriptoFácil, o Ethereum foi a criptomoeda com a maior valorização em maio. Dentre os 10 maiores criptoativos em valor de mercado, a altcoin valorizou 7,82%.

Apesar dos recentes dias estarem mornos para o mercado, a altcoin tem se esforçado para valorizar. Ao fim do dia 08 de maio, a segunda maior criptomoeda em valor de mercado estava cotada a US$ 212,99.

Um mês depois, no dia 08 de junho, o criptoativo já estava próximo dos US$ 250 – mais precisamente, em US$ 246,31. Trata-se de uma valorização acima de 15%.

Em maio, apenas Ethereum e Bitcoin se safaram das perdas no top 10. Tal fato se dá, talvez, em razão da altcoin acompanhar a criptomoeda dominante do mercado.

Grande alta para o Bitcoin, grande alta para o Ethereum

Recentemente, foi também relatado no CriptoFácil sobre a possibilidade do Ethereum acompanhar o Bitcoin em uma alta.

O trader Wellington Silva apontou, na oportunidade, que uma tendência de baixa se manteria caso os US$ 230 não fossem rompidos. Desta forma, é possível descartar a baixa, tendo em vista o rompimento.

Além disso, a expectativa é de alta para o Ethereum durante os próximos meses.

Entretanto, o problema é: como a altcoin tem seguido o Bitcoin, e este está em viés de baixa, é possível que o Ethereum passe por correções antes de entrar em seu período de alta.

Desta forma, é importante ter em mente duas coisas: a primeira é o período de lateralização atual do Bitcoin. A performance anêmica do criptoativo pode impedir que o Ethereum faça movimentações significativas de alta.

Por fim, a segunda é: no médio prazo, com base na interpretação atual do Ethereum, a tendência é de alta.

Leia também: Mineradores de Ethereum lucraram mais que mineradores de Bitcoin no fim de semana

Leia também: Volume de Bitcoins negociados no Brasil cresce 50% em maio

Leia também: Bitcoin e Ethereum: saiba quais são as diferenças entre os dois

Forex Crypto News: Cripto Facil