CVM suspende ofertas de mais uma empresa de forex no Brasil

CVM suspende ofertas de mais uma empresa de forex no Brasil

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) suspendeu as ofertas de mais uma empresa de forex.

Desta vez, a FGMarkets foi alvo da stop order da autarquia. Em caso de descumprimento, uma multa diária de R$ 1.000 será cobrada da empresa.

CVM investe contra forex durante quarentena

Durante a pandemia de coronavírus, a CVM tem investido contra empresas que ofertam forex no Brasil. Até o momento, além da FGMarkets, outras seis empresas tiveram ofertas suspensas no país.

A Glastrox Trade Ltda, da qual FGMarkets é nome fantasia, é uma plataforma com ofertas no mercado financeiro. Além de forex, a plataforma se dispõe a oferecer ações, títulos, commodities e índices.

Segundo a CVM, a empresa tem feito “oferta pública de serviços de intermediação de valores mobiliários”. Entretanto, a FGMarkets não possui registro para tal atividade junto à autarquia.

Desta forma, foi suspensa “qualquer oferta pública de serviços de intermediação de valores mobiliários” por parte da FGMarkets.

Ademais, é importante ressaltar que a stop order não é uma penalização. É uma ordem emitida pela CVM, quando a autarquia entende que uma oferta pode ser nociva. A penalização ocorre caso a suspensão não seja respeitada.

FGMarkets tem reputação controversa

De acordo com uma análise feita pelo site Val Forex, que por si só já é controverso, a plataforma FGMarkets não é confiável.

Na publicação, o portal conclui sobre a FGMarkets:

“Estamos lidando com uma plataforma que rouba abertamente qualquer pessoa que se inscreva. […] Ao receber chamadas de seus clientes, evite passar informações do seu cartão.”

A plataforma conta ainda com algumas reclamações no Reclame Aqui. Em uma delas, um investidor narra um ciclo que se repete. Segundo ele, sempre que ele vai bem no mercado, consultores da FGMarkets pedem mais investimentos.

Então, algo ruim acontece e consultores culpam o cliente. Depois, outro consultor aparece e promete recuperar o que foi perdido, mas apenas se mais dinheiro for depositado.

Segundo um trecho da reclamação:

“Fui procurar saber a respeito dele [consultor que atendia o cliente] com um colega que trabalhava aí com vocês e me avisaram que o (Editado pelo Reclame AQUI) tinha entrado de férias. Ele não me informou absolutamente nada sobre isso e havia posição abertas no Oil que estavam indo de mal a pior. Inclusive, me ligou outro analista de vocês e pediu até desculpas por isso, porém me disse que só conseguiria me ajudar se eu investisse mais, porém eu já tinha investido tudo.”

Provavelmente, tendo em vista tais reclamações, a CVM resolveu ser rápida ao emitir a ordem de suspensão.

Leia também: Corretora de forex IQ Option não paga clientes e retém saques

Leia também: CVM proíbe atuação de mais uma empresa de Forex no Brasil, a AVA Trade

Leia também: CVM anuncia mais duas stop orders para empresas de forex

Forex Crypto News: Cripto Facil