CVM destaca sandbox como importante avanço regulatório da autarquia

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) declarou que o sandbox lançado pela autarquia, e que pode permitir o lançamento, em um ambiente controlado, de tokens e criptomoedas, como um importante avanço regulatório para o Brasil.

“As normas editadas, bem como as audiências públicas iniciadas, tratam de temas que foram escolhidos após profundas discussões que levaram em conta análises de mercado, tendências internacionais e demandas internas”, comentou Marcelo Barbosa, presidente da autarquia.

O presidente da CVM lembra que a edição da Instrução CVM 610 também teve grande relevância, uma vez que esteve alinhada ao projeto estratégico de redução nos custos de observância regulatória.

“A norma foi elaborada levando em conta sugestões de instituições do mercado para eliminação de redundâncias relacionadas à sobreposição das atividades de supervisão, que foram eliminadas”, acrescentou.

Barbosa frisou que estimular o desenvolvimento do mercado de capitais por meio da regulação é um item central do mandato da CVM.

“A normatização é fundamental para seguimos no nosso propósito de zelar pelo funcionamento eficiente e pela integridade do mercado de capitais, promovendo o equilíbrio entre a iniciativa dos agentes e a efetiva proteção dos investidores”, concluiu o presidente da CVM.

Leia também: Criptoativos são destaque em canal de comunicação criado pela CVM aberto ao público

Forex Crypto News: Cripto Facil

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *