Criptomoedas roubadas da Upbit começam a ser movimentadas

Nesta quarta-feira, 27 de novembro, a exchange sul-coreana Upbit noticiou ter sido alvo de um hack, no qual 342.000 ETH teriam sido roubados, cerca de US$50 milhões, que a exchange declarou que cobrirá com “ativos corporativos”.

Conforme relatado pelo Decrypt nesta quinta-feira, 28 de novembro, a empresa de segurança Pecksheild afirmou que 340.000 ETH (de um total de 342.000 ETH) até agora já foram divididos em quatro novos endereços.

Além disso, alguns dos fundos foram enviados para as exchanges Binance e Huobi. Chiachih Wu, cofundador da PeckShield afirmou que menos de um ETH foi enviado para essas exchanges. A probabilidade é que o hacker esteja testando o terreno, para ver se os fundos serão bloqueados ou não.

Por meio do Twitter, o CEO da Binance Changpeng Zhao declarou que apoiará a Upbit, tomando medidas para que os fundos não sejam liquidados em sua exchange.

“Nós trabalharemos com a Upbit e outras figuras da indústria para garantir que os fundos hackeados que chegarem na Binance sejam imediatamente congelados.”

Contudo, ele pondera que não conseguirá impedir o hacker caso ele utilize a exchange descentralizada da Binance, uma vez que não existem contas. Isso levantou questões sobre o hacker utilizar protocolos de finanças descentralizadas (DeFi) para trocar o montante em Ethereum por outros criptoativos.

Zhao menciona “outras figuras” em sua declaração, sendo possivelmente uma delas o Whale Alert. Whale Alert é um perfil famoso no Twitter por noticiar grandes movimentações de criptoativos, que podem impactar o valor de mercado de diferentes criptoativos.

Pouco após a declaração do CEO da Binance, o Whale Alert publicou por meio do Twitter:

“A Upbit confirmou ter sido hackeada, relatando o roubo de 342.000 ETH. Nós monitoraremos o endereço utilizado no hack e informaremos à comunidade de criptoativos quando transferências forem feitas.”

Leia também: Exchange Upbit é hackeada e US$50 milhões são roubados

Forex Crypto News: Cripto Facil

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *