Chainlink valoriza quase 19% enquanto Bitcoin segue preso nos US$ 7.300

Chainlink valoriza quase 19% enquanto Bitcoin segue preso nos US$ 7.300

O Bitcoin iniciou a semana com grandes valorizações, porém, agora se mantém preso na mesma zona. Variando entre US$ 7.200 e US$ 7.300, com algumas escapadas, o BTC não está conseguindo soltar da zona na qual está preso. Porém, o cenário não é dos piores, tendo em vista que o criptoativo está finalmente acima da zona dos US$ 7.000. Enquanto isso, a Chainlink saltou nesta quinta-feira, 09 de abril.

De acordo com dados obtidos pela ferramenta Coinmarketcap, o BTC avançou 0,51% nas últimas 24 horas contadas da escrita desta matéria, atualmente cotado a US$ 7.318,94. Há pouca divergência em relação ao valor apresentado pelo BTC ontem ao fim do dia, uma vez que o criptoativo encerrou 08 de abril cotado a US$ 7.334,10. Sua marca mais alta intradia também não furou os US$ 7.300, limitando-se a atingir US$ 7.356,22. O volume de troca atual do BTC é de US$ 33,8 bilhões.

No top 10, o Bitcoin Cash foi o único criptoativo a apresentar uma perda de 1,08%, talvez pelos problemas ocorridos após o seu halving. Enquanto isso, Tezos, Bitcoin SV (cujo halving é amanhã) e EOS valorizaram respectivos 7,06%, 3,27% e 2,06%. O restante do grupo teve avanços que variaram entre 0,91% e 1,93%.

O top 20 também foi repleto de avanços, o mais notável deles sendo o da Chainlink, com um salto de 18,89%. Dash e Stellar também conseguiram apresentar ganhos significativos, avançando respectivamente 6,34% e 2,05%. Os outros criptoativos do top 20 exibiram ganhos de 0,09% até 1,35%.

Até o fechamento deste artigo, o valor total do mercado de criptoativos era de US$ 209,7 bilhões, US$ 2,7 bilhões a menos em relação ao dia anterior. A dominância do BTC está em 63,9%.

Leia também: Análise do Bitcoin [BTC/USD]; ALTA DE 17% DESDE O COMEÇO DO MÊS

Forex Crypto News: Cripto Facil