Bitwage lança primeiro plano de pensão em Bitcoin do mundo

Bitwage lança primeiro plano de pensão em Bitcoin do mundo

A Bitwage, empresa que intermedia pagamento de salários em criptomoedas, anunciou o lançamento do primeiro fundo de pensão em Bitcoin do mundo.

O novo plano, intitulado Bitcoin 401(k), foi testado com êxito na terça-feira, 26 de maio. Agora, ela começará a oferecer o plano para as empresas – especialmente aquelas que tentam atender ao requisito de folha de pagamento de 75% na Proteção de Pagamento Federal (PPP).

“Isso dá às empresas a oportunidade de fornecer contribuições correspondentes ou de participação nos lucros para as contas dos funcionários, a fim de ajudar a diminuir a diferença para receber o perdão total do empréstimo. Juntamente com o programa PPP, o Plano Bitcoin 401(k) permite que os empregadores obtenham mais proveito de seus empréstimos, oferecendo aos seus funcionários opções de investimento novas e inovadoras”, afirmou a Bitwage.

Construindo aposentadorias em Bitcoin

O CriptoFácil conversou com Fabiano Dias, VP de negócios internacionais da Bitwage. Dias explicou como o plano funciona e como investir nele.

“No sistema da Bitwage, a pessoa pode escolher a porcentagem do salário que quer receber em criptomoedas. Portanto, ele pode escolher qual porcentagem quer investir no Bitcoin 401(k) e aí essa porcentagem será enviada para a instituição que faz a custódia do plano.”

Dias afirmou que a custódia do plano é feita pelo banco Kingdom Trust. Mas outras empresas estão envolvidas com o projeto. A exchange Gemini, dos irmãos Winklevoss, é uma delas. Outra é a Leading Retirement Solutions, provedor de pensão que mantém registros do plano 401 (k) com o Departamento Trabalho e Receita Federal (IRS).

“O custodiante está protegido e assegurado por todas as lei bancárias dos EUA. Portanto, possui uma certa solidez, com décadas de atuação nos EUA e com uma boa reputação”, afirmou Dias.

Embora existam todos os riscos inerentes a deixar Bitcoins com um terceiro, Dias destacou que o foco do plano é outro tipo de público.

“Esse plano é mais voltado para o perfil de pessoa que quer investir em um plano 401(k) e nutrir um plano de pensão em Bitcoin”, afirmou.

Por fim, o sucesso do plano nos EUA pode fazer com que o plano seja expandido para outros países. Dias afirmou que algumas conversas chegaram a ser feitas para introduzir o plano no Brasil

“Temos a ideia de expandir para o Brasil e chegamos a conversar com empresas a respeito. Mas não tem nada concreto ainda. O Brasil ainda possui uma certa morosidade nesses assuntos.”

Leia também: Bitcoin reage e luta para voltar aos R$ 50.000; Restante do mercado segue valorizando

Leia também: Após alta pós-halving, taxas da rede do Bitcoin tem redução de 54%

Leia também: Consumo de energia para minerar Bitcoin caiu significativamente após o halving

Forex Crypto News: Cripto Facil