Bitmain atrasa entrega de ASIC para mineradores para prejudicar Jihan Wu

Bitmain atrasa entrega de ASIC para mineradores para prejudicar Jihan Wu

Em mais um capítulo na briga entre os fundadores da Bitmain, Jihan Wu e Micree Zhan, um episódio de auto sabotagem foi revelado.

Assim, segundo informações divulgadas nas redes sociais, Zhan estava atrasando de propósito a entrega de equipamentos para prejudicar Wu. Para isso, o cofundador que controlava o setor de Inteligência Artificial e as entregas que saiam de Shenzhen ordenava que as entregas fossem atrasadas.

Conflitos internos

A briga entre Jihan Wu e Micree Zhan é antiga e se tornou pública em 2018.

Naquele ano, a Bitmain teria sofrido um forte golpe com o bear market, deixando os acionistas vulneráveis e preocupados com a condução da empresa na qual Wu era CEO.

Além disso, pesava sobre ele as brigas públicas com Zhan que acabaram resultando em perdas para a Bitmain. Isso ocorreu no caso do fork que originou o Bitcoin Cash e no fork que gerou o Bitcoin SV.

Em ambos os casos, Wu investiu poder pessoal e da empresa para validar o BCH tanto na briga contra o Bitcoin Core como na briga com Craig Wright e o Bitcoin SV.

Como se não bastasse, também existia um briga interna por poder na empresa. Assim, Wu decidiu nomear um novo CEO. Assim, ele afastou-se da direção da empresa e também tirou Zhan do controle. Seu objetivo era amenizar a briga e apaziguar o mercado e os acionistas.

Contra-ataque

Porém, a tática pode não ter dado certo. Já que, com um novo CEO e Wu afastado, Micree Zhan avançou em direção ao poder na Bitmain.

Durante 2019, ele, indiretamente, mandou embora todos os apoiadores de Wu em cargos de direção na empresa. Além disso, mudou os rumos de desenvolvimentos dos equipamentos de mineração de Bitcoin. Zhan também fortaleceu o setor de IA e colocou funcionários de sua confiança em todos os setores da empresa.

Por outro lado, tomou o controle da conta da empresa no Twitter (principal canal de comunicação de Wu) e transferiu para o seu nome alguns documentos da empresa.

Jihan Wu volta à Bitmain

Porém, no final de 2019, Jihan Wu voltou à Bitmain e iniciou uma vingança contra Zhan.

Assim, ele mandou embora os principais aliados de Zhan nos postos-chave da Bitmain e demitiu o cofundador da empresa do setor de IA.

Também foi estipulada uma ordem “por baixo dos panos” de que Zhan não era mais bem vindo na empresa e que sua entrada deveria ser barrada. Wu também começou a usar sua influência no mercado para mostrar o que o comando de Zhan teria feito à Bitmain:

ASIC S17 com defeito, desvio de dinheiro para conta pessoal, perseguição, assédio a funcionário, entre outras supostas ações foram denunciadas por Wu contra Zhan.

Resultado

Até o momento, o resultado de toda a briga é uma tendência de baixa na credibilidade da Bitmain. A empresa vem perdendo terreno no campo de fabricação de ASIC, onde dominava praticamente 99% do mercado.

O setor de IA não consegue emplacar seus produtos que ainda são desconhecidos no segmento. Além disso, há problemas com fornecedores como a TSMC.

Leia também: Analista afirma que mineração de Bitcoin está saudável após o halving

Leia também: Concorrente da Bitmain também lança série de ASICs de “baixo custo”

Leia também: Concorrente da Bitmain registra perdas de R$ 30,6 milhões no primeiro trimestre de 2020

Forex Crypto News: Cripto Facil