Bitcoin fará um rompimento de alta em breve, afirma analista

Bitcoin fará um rompimento de alta em breve, afirma analista

O analista Willy Woo, amplamente conhecido por suas análises com base em dados da rede Bitcoin, afirmou que um importante ciclo de compra e venda de Bitcoin acabou de ser concluído.

Nesse sentido, segundo ele, a evolução dos preços nas próximas semanas, provavelmente, será altista.

Woo disse no Twitter que “é altamente improvável que veremos algum tipo de queda catastrófica de preços daqui para frente”.

Fim de ciclo do BTC pode indicar alta

Woo apontou seis ciclos que ele chamou de handshaking (“mãos trêmulas”, em tradução livre) para o Bitcoin.

Segundo ele, o maior volume foi o que ocorreu logo após a quebra do mercado, em 12 de março deste ano.

Isso porque, após a queda, o Bitcoin se recuperou para ultrapassar US$ 9.000. Assim, iniciando um período de baixa volatilidade em maio que durou aproximadamente três meses.

Portanto, para Woo, o início deste ciclo coincidiu com um novo ciclo de mãos trêmulas.

Já no início de julho, um novo ciclo de alta foi concluído. Isso ocorreu, segundo o analisa, quatro semanas antes do “boom” de preços do BTC no final daquele mês.

Agora, de acordo com o que Woo indicou, um último ciclo de handshaking do Bitcoin acaba de ser concluído.

Logo, isso pode sinalizar um rompimento de alta nas próximas semanas.

Bitcoin decola?

Ainda segundo o analista, após a queda de 12% sofrida pelo BTC, os dados da blockchain voltaram a apresentar sinais de alta.

“Não posso garantir que o preço do BTC tenha atingido o fundo do poço, embora possa muito bem ter acontecido”, disse ele.

No final de junho, Woo utilizou outro modelo para prever com precisão corrida de touros que ocorreu um mês depois, o indicador de força relativa do Bitcoin (RSI).

Na ocasião, Woo também se apoiou no indicador conhecido como “Fita de dificuldade do minerador do Bitcoin“.

As zonas de compressão da fita costumam indicar vendas de BTC pelas mineradoras. Essas vendas precedem fases de hodling (acúmulo de BTC), que favorecem uma tendência de alta.

Leia também: Maior inimigo do Bitcoin será o Estado, aponta pesquisa

Leia também: Gigante comprou R$ 1 bilhão em Bitcoin e quer comprar mais

Leia também: Países podem começar a estimular mineração e acúmulo estatal de Bitcoin

Forex Crypto News: Cripto Facil