Bitcoin despeja US$1 mil em apenas duas horas e é cotado a US$8 mil

O mercado de criptoativos iniciou um movimento maciço de queda nas últimas 24 horas. Nesta quarta-feira, 25 de setembro, foram mais de US$35 bilhões despejados por ele. O Bitcoin parece ter liderado esse movimento de desvalorização, porém, no momento da escrita, algumas altcoins amargam perdas ainda maiores.

Até o fechamento deste artigo, o Bitcoin era cotado a US$8.389, o que representa uma queda de mais de 13% no último dia. Nas últimas 24 horas, o principal criptoativo do mercado saiu do seu pico mais alto em US$9.753 para seu pico mais baixo na cotação atual. Ontem, terça-feira, o BTC vivenciou um despejo de mais de US$1 mil em cerca de duas horas. O recente lançamento da Bakkt nesta semana parece ainda não ter surtido efeito no mercado, pelo menos positivo.

Se o Bitcoin desvalorizou consideravelmente no último dia, algumas altcoins sofrem perdas ainda maiores. No top 10, todos os criptoativos estão operando no vermelho nesta manhã, conforme mostram dados da ferramenta Coinmarketcap. O Bitcoin SV é o maior perdedor do grupo ao despejar mais de 25%. Bitcoin Cash, EOS e Binance Coin também amargam perdas consideráveis, de cerca de 20% cada.

Um cenário parecido é visto entre os criptoativos do top 20. Tezos e Ethereum Classic são os mais prejudicados ao perderam mais de 20% cada no dia. Dash e Cardano despejam mais de 18% cada uma nas últimas 24 horas. Todas criptomoedas desta seção amargam grandes perdas nesta manhã.

No momento da escrita, o valor total do mercado de criptoativos era de US$219 bilhões, o que representa um despejo de cerca de US$35 bilhões nas últimas 24 horas, uma vez que ontem o mercado era cotado a US$256 bilhões neste mesmo horário. A alta dominância do Bitcoin, em 68,9%, mostra que a queda maciça refletida nas altcoins pode ter sido responsabilidade do principal criptoativo do mercado.

Leia também: Mercado de criptoativos segue em queda; Bitcoin é cotado na faixa dos US$9 mil

Forex Crypto News: Cripto Facil

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *