Banco Central Europeu se desespera e quer regular o Bitcoin

Banco Central Europeu se desespera e quer regular o Bitcoin

A ex-diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) e atual presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, está pedindo uma ação multilateral em escala global para desencorajar os criminosos de lavar dinheiro com Bitcoin.

Em uma nova entrevista à Reuters, Lagarde chamou o Bitcoin e criptomoedas de “ativos altamente especulativos”. Além disso, disse que as moedas digitais têm facilitado atividades nefastas no passado e no presente.

“É um ativo especulativo, sob qualquer aspecto. Se você olhar para os desenvolvimentos de alta mais recentes e agora a tendência de queda mais recente”, disse.

Regulamentação para BTC e criptomoedas

De acordo com a presidente do BCE, os criptoativos também estão longe de  ser uma moeda:

“Para aqueles que presumiram que poderia se transformar em moeda, sinto muitíssimo. Mas isso é um ativo e é um ativo altamente especulativo, que conduziu alguns negócios ilícitos e algumas atividades preocupantes e totalmente condenáveis ​​de lavagem de dinheiro.”

Nesse contexto, Lagarde defende que tanto o Bitcoin quanto as criptomoedas em geral tenham uma regulamentação.

“Este é um assunto que deve ser acordado em nível global. Se houver uma fuga, essa fuga será usada. No mínimo, mostra que a cooperação global e a ação multilateral são absolutamente necessárias. Seja ela iniciada pelo G7 ou pelo G20”, pediu.

Criminosos preferem dinheiro

Conforme mostrou um relatório publicado no ano passado pela empresa britânica de defesa e aeroespacial BAE Systems, os criminosos podem ser atraídos pelos recursos de privacidade de algumas criptomoedas.

No entanto, até agora, os criminosos preferem usar moeda fiduciária para lavagem de dinheiro muito mais que Bitcoin.

Segundo o relatório, os casos identificados de lavagem com criptomoedas permanecem relativamente pequenos em comparação com os volumes de dinheiro lavado por meio de métodos tradicionais.

No final do ano passado, Lagarde abordou o advento das stablecoins que são atreladas a ativos tradicionais.

Embora tenham potencial para impulsionar a inovação, Lagarde disse que esses criptoativos devem ser analisados ​​de perto. Isso porque podem ameaçar a soberania monetária da União Europeia.

Leia também: MicroStrategy ensina empresas a comprar Bitcoin com curso gratuito

Leia também: 6 criptomoedas estão prontas para valorizar em janeiro, diz trader

Leia também: Trader lista 14 criptomoedas “baratas” para lucrar em janeiro

Forex Crypto News: Cripto Facil