Banco BTG Pactual lança token ReitBZ lastreado em imóveis brasileiros

Banco BTG Pactual lança token ReitBZ lastreado em imóveis brasileiros

O Banco BTG Pactual, o maior banco de investimentos da América Latina, anunciou nesta terça-feira, dia 19 de maio, o lançamento do sua criptomoeda ReitBZ, na blockchain Tezos. Trata-se de um token, que segundo o banco, é o primeiro a ser lastreado em imóveis brasileiros.

Conforme informa o site oficial do ReitBZ, o investimento mínimo a ser feito no token é US$ 500,00, ou seja, cerca de R$ 2.870 reais.

Migração do Ethereum para Tezos

Inicialmente, o ReitBZ foi emitido na blockchain da Ethereum. No entanto, desde o ano passado, o banco anunciou a migração para a Tezos, conforme noticiou o CriptoFácil. O objetivo da migração era oferecer uma oferta de token securitizado (STO, na sigla em inglês). Os STOs são tokens considerados como valores mobiliários.

De acordo com o comunicado do lançamento do token, desde a emissão, o ReitBZ foi utilizado para adquirir 238 unidades imobiliárias em agosto de 2019. Outras 85 unidades imobiliárias foram adquiridas em dezembro de 2019. Até o momento, 181 dessas unidades foram vendidas.

“O BTG Pactual espera lançar um mercado secundário para o ReitBZ nos próximos meses para fornecer mais liquidez aos títulos digitais”, informou o comunicado.

Andre Portilho, parceiro do BTG responsável pela iniciativa STO destacou que a equipe está confiante de que a solução Tezos é tecnicamente robusta. Além disso, segundo ele, a emissão permitirá garantir mais recursos para investir no token no futuro. Portilho também acrescentou:

“Decidimos emitir o ReitBZ em parceria com a Tezos Foundation para testar o blockchain Tezos, para que possamos usar a tecnologia para executar futuros STOs mais complexos.”

Já o presidente do Conselho da Fundação Tezos, Hubertus Thonhauser, completou dizendo que o BTG Pactual foi pioneiro na implementação de soluções blockchain para tokenizar os ativos que gerencia.

“Estamos empolgados com o fato de a empresa ter optado por usar o protocolo Tezos para tornar essa implementação uma realidade e aguardamos com expectativa o uso contínuo do BTG da tecnologia de ponta da Tezos, pois impulsiona o mercado de tokenização de ativos para a adoção em massa.”

Leia também: Autor de “Pai Rico, Pai Pobre” afirma que Bitcoin passará dos R$ 400.000 em 3 anos

Leia também: Tezos valoriza quase 5% enquanto Bitcoin segue preso nos R$ 56.000

Leia também: Ethereum pode perder 60% de hash rate por conflito com GPU

Forex Crypto News: Cripto Facil