Autor de “Pai Rico, Pai Pobre” diz que o Bitcoin é um dos mais poderosos bancos já criados

Robert Kiyosaki, autor do best-seller “Pai Rico, Pai Pobre”, afirmou que o Bitcoin é um dos bancos mais poderosos já criados pela humanidade. O autor, cujo livro vendeu 32 milhões de cópias em 40 países e lhe deu um patrimônio líquido de US$80 milhões, fez suas declarações durante uma entrevista à Bloomberg no início desta semana.

Durante a entrevista, Kiyosaki elogiou o Bitcoin, apesar de ter reiterado sua crença em investir em ativos como ouro, petróleo e imóveis. Quando questionado sobre sua perspectiva sobre novas classes de ativos, particularmente o Bitcoin, ele respondeu:

“Eu acho isso muito interessante. Eles estão enfrentando o Fed, um dos bancos mais poderosos já criados. E eles estão mexendo em seu território. É como se eu enfrentasse o McDonald’s no setor de fast-food. Então eu acho que eles vão pisar neles. Eu acho que é um momento muito emocionante.”

Kiyosaki não é estranho a controvérsias: seu best-seller continua sendo um dos livros de finanças pessoais mais conhecidos já escrito, mas ele também já se envolveu em diversos escândalos, principalmente sobre o pedido de falência de sua empresa de educação financeira em 2012.

A perspectiva de Kiyosaki como investidor foi resoluta do ponto de vista pessoal: ele não investiria em criptomoedas. No entanto, ele encorajou amplamente os investidores a seguirem seus instintos pessoais.

“Pessoalmente, sou um technosaurus rex. Eu mal consigo usar um telefone celular. Então, é melhor ficar de fora das criptomoedas. Portanto, se você é jovem e gosta de criptomoedas, talvez seja o seu lugar. Mais uma vez, tudo é ‘apenas faça o que você ama’. Adoro negócios, amo ouro, adoro usar dívida como dinheiro – porque em 1971 o dólar se tornou uma dívida – e adoro não pagar impostos legalmente.”

Embora Kiyosaki seja um crítico das finanças corporativas, ele defende uma abordagem oportunista e hábil da volatilidade sistêmica que gera, como se manifesta nos principais ciclos de expansão e contração. Ele disse à Bloomberg que previu que a próxima recessão mundial será desencadeada por uma crise no setor de pensões entre 2022 e 2025.

Leia também: O dólar é uma farsa e o Bitcoin é a moeda do povo, diz autor do best-seller “Pai Rico, Pai Pobre”

Forex Crypto News: Cripto Facil